‘Faço porque gosto’, revela garota de programa recém graduada em letras

Ela tem 21 anos, é recém-formada em letras pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), exibe em tatuagens pelo corpo frases de Guimarães Rosa e Manuel Bandeira, adotou como pseudônimo um nome que faz referência a um personagem do escritor russo Vladimir Nabokov e assume, sem problemas, ser garota de programa. Gabriela Natália da Silva, ou Lola Benvenutti, mantém um blog em que escreve contos baseados nas experiências com seus clientes e chama a atenção ao tentar quebrar o tabu do sexo. “Sempre gostei de sexo, então tinha um desejo secreto de trabalhar com isso e não há nada mais justo, faço porque gosto”, afirmou em entrevista ao G1.

Fonte: G1

Pois bem. Essa é a Lola! Quando não está deixando suas letras no seu blog, está no trabalho que escolheu, dando duro… quer dizer, recebendo…

Mensagem navegação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *