Parlamento turco aprova lei que limita consumo de álcool

O Parlamento turco aprovou nesta sexta-feira (24) um projeto de lei, defendido pelo partido islâmico-conservador que governa o país, que limita o consumo, a venda e a publicidade de bebidas alcoólicas, um texto denunciado como atentado às liberdades pela oposição.

Segundo os termos da lei, a venda de álcool passa a ser proibida em todo o comércio entre 22h e 6h, e em qualquer hora do dia em estabelecimentos próximos a escolas e mesquitas. Mensagens alertando para os perigos do álcool passarão a ser obrigatórias nas embalagens.

Fonte: G1

Infelizmente sou uma pessoa que faz parte dos cidadãos menos privilegiados da pátria do Fuleco, e, portanto, nunca tive o prazer (ou desprazer) de conhecer a Turquia. O que sei de lá, aprendi na Enciclopédia Salve Jorge da Glória Perez.

Dito isso, vou ainda mais além na minha singela opinião: ainda bem que a lei é válida para a Turquia e não para o Brasil. Aqui, ela seria um desastre, visto que não se poderia comercializar álcool em nenhum lugar do país em nenhum horário. E o motivo nada tem a ver com escolas. O fato é que no Brasil é impossível andar um quarteirão, de qualquer bairro, sem que se encontre uma entidade usurpadora de dízimos de incautos.

Mensagem navegação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *